Lori Arruda

25 anos, casada, mãe de um casal, apaixonada por saúde, compartilhando amor próprio, beleza e saúde a 3 anos aqui no Fit e Bela blog e ajudando mulheres a nutrirem a beleza de dentro para fora!

@fitebela

Porto Seguro, BA, 45810-000, Brasil

Suplementação proteica: Fazer ou não fazer?

Suplementação proteica

Hey fitebela, tudo saudável e belo por aí? Se você é nova na vida fitness pode estar em dúvida sobre fazer ou não uma suplementação proteica, e hoje suas dúvidas vão acabar!

Para você entender melhor, suplementação proteica é fazer o uso de suplementos alimentares à base de proteína seja ela animal ou vegetal. 



Essa suplementação é muito utilizada por atletas de fisiculturismo, que na maioria dos casos precisam ingerir uma enorme quantidade de comida todos os dias, e para suprir as necessidades de proteínas e de outros macro nutrientes, que o corpo precisa para se manter diariamente sem precisar ingerir muita comida aderem a essa suplementação.

+1DICA - Leia o post: Água detox: Uma receita para turbinar sua saúde!

Antes de começar uma suplementação proteica, você precisa conhecer os tipos de suplementos a base de proteína!


Suplementação proteica a base de soja!

A proteína da soja é muito utilizada por vegetarianos, ou por aqueles que prefiram consumir proteínas vegetais, ela oferece diversos benefícios ao organismo, pois conta com uma vasta gama de vitaminas, minerais e aminoácidos, a proteína da soja em forma de suplemento pode ser encontrada em três versões: isolada, concentrada e texturizada, a soja é rica em fibras o que faz com que ela tenha uma lenta absorção.


Suplementação proteica a base de caseína!

A caseína é o suplemento de proteína com a menor taxa de absorção, ela corresponde a 80% da proteína do leite e os outros 20% é whey, a caseína é rica em aminoácidos, e arginina. Por demorar de 5 a 7 horas para ser ingerida a caseína é excelente para ser consumida à noite, antes de dormir, assim seus músculos estarão nutridos por um longo período.


Suplementação proteica a base de proteína da carne!

Essa proteína é ideal para quem tem intolerância a lactose, a proteína hidrolisada da carne conta com todos os benefícios da carne e uma vantagem extra, a gordura presente na carne é removida, e para melhorar a suplementação a base de proteína da carne é de rápida absorção.


Suplementação proteica a base de albumina!

Clara de ovo desidratada é a composição da albumina é uma proteína de lenta absorção, a albumina tem um baixo custo e ser uma proteína de boa qualidade, rica em aminoácidos essenciais conhecidos por BCAAs, ter vitaminas e minerais que auxiliam no metabolismo, na reconstrução do tecido muscular, entre outros, a albumina era muito consumida antes da criação do whey protein.


Suplementação proteica a base de proteína do leite!

O famoso whey é obtido no processo de transformação do leite em queijo e por isso é conhecida como a proteína do soro do leite, até aqui temos o (WPC) whey protein concentrado, essa proteína é a mais concentrada em aminoácidos, BCAAs e glutamina, porém o soro do leite contém muita água, para diminuir essa água e obter uma concentração ainda maior de proteína o soro do leite precisa ser filtrado novamente e daí é obtido outros dois tipos de whey, o (WPI) whey protein isolado e o (WPH) whey protein hidrolisado e em todas as versões dessa proteína ela é livre de colesterol, o whey é de rápida absorção e o whey protein hidrolisado tem a absorção ainda mais rápida.


  • Lembre-se! Suplementar significa complementar, você não deve substituir o consumo de alimentos e ingerir apenas suplementos alimentares, independente do tipo!
Agora que você já conhece mais sobre as suplementações de proteína, vamos a pergunta que não quer calar...


Fazer ou não fazer suplementação proteica?

No meu ponto de vista a suplementação proteica só precisa ser feita por uma pessoa saudável depois dela ter experimentado a alimentação proteica e não ter obtido resultados, ter enjoado ou não conseguir ingerir nenhuma das opções de alimentos fonte de proteína, ou então, se ela não tiver muito tempo durante o dia para se alimentar e fazer uma refeição sólida, os suplementos proteicos são excelentes para esse último caso pois só é preciso acrescentar água ou leite e tomar, agora se você tiver tempo, invista em alimentos naturais ricos em proteínas,animais como: frango, peixes, ovos ou então consuma verduras e grãos como o feijão e o brócolis que são riquíssimos em proteína vegetal e de quebra seu bolso agradecerá, pois vai sair bem mais barato seguir uma dieta alimentar proteica sem suplementos a base de proteína do que uma dieta com suplementação proteica!

+1DICA - Leia o post: Tabela de índice glicêmico e carga glicêmica dos alimentos.

Como você observou na suplementação proteica, a proteína é removida de alimentos como ovos, leite, soja, carne e etc. então, faça testes com o seu organismo e lembre-se que o básico sempre funciona e se precisar mesmo invista em uma suplementação proteica, mas lembre-se antes de consultar um profissional para te auxiliar!

ACOMPANHE OUTRAS DICAS DO FIT E BELA BLOG NAS REDES SOCIAIS:

Pinterest - FIT E BELA BLOG | Instagram - @FITEBELABLOG | Facebook - @FITEBELABLOG

Comentários